Desespero antes de bater penálti

Avenida Brasil 04-05-2019 08:15
Por João Almeida Moreira

Um penálti é sempre um momento de tensão. E se a partida estiver 0-0? Mais ainda. E se for assinalado com a ajuda do VAR e os respetivos rituais, a olhada do árbitro na telinha, o ecrã desenhado no ar, aquele suspense todo? Nem se fala. Bom, no Flu-Goiás houve um penálti com esses requisitos. Luciano, que pode estar na mira do Sporting, foi o chamado para bater. Respirou fundo. As torcidas também. O narrador preparou a voz. Inquietação, nervosismo. O avançado correu para a bola e... apagou-se a luz no Maracanã. Após 30 minutos de apagão, a tensão virou desespero e no final da história Luciano chutou e...falhou.

Prodígio com estreia estragada 


A falha no sistema elétrico do maior estádio do Brasil falada acima deveu-se a uma tempestade, mais uma, que se abateu sobre o Rio no dia em que Flu e Goiás se estreavam no Brasileirão. Com a falha de Luciano e a anulação, errada, de um golo de Everaldo, o clube da casa perseguia o golo de todas as maneiras. O treinador Fernando Diniz até arriscou colocar o prodígio João Pedro, de 17 anos. Nas bancadas, a família do jogador ansiava esse momento há anos. No entanto, não só instantes depois o Goiás marcou o golo solitário como à saída, a mãe e o padrasto de João Pedro ainda perderam o carro, atingido por árvore derrubada pela chuva.  

Palmeira, 4 Rogério Ceni, 0


O Palmeiras goleou (4-0) o Fortaleza, clube que não se equipara em história e em peso ao Verdão e vem de uma cidade a 3000 longos quilómetros de São Paulo. Ou seja, para os palmeirenses, a vitória, além de não ser mais do que uma obrigação, não tinha gosto especial. A não ser pelo facto de o treinador do tricolor cearense ser Rogério Ceni, ídolo do arqui-rival São Paulo. Por 90’, Ceni foi assobiado, vaiado, gozado. Mas ainda através dos tradicionais memes na internet, onde o seu histórico no novo estádio do Palmeiras - 14 golos sofridos em quatro jogos - foi muito sublinhado.      
 

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias