Liverpool é o ‘grande’ inglês com melhor rácio de compra/venda desde 2014

Inglaterra 10-01-2019 00:00
Por Redação

Um estudo de mercado publicado pela página Transfer League demonstra que o atual líder da Premier League, o Liverpool, é o clube dos grandes de Inglaterra que melhor rácio mantém, nas últimas cinco temporadas, entre gastos e ganhos em contratações e vendas.

Apesar das 583,5 milhões de libras (648,9 milhões de euros) gastas em aquisições desde 2014, os reds somam 424,1 milhões de libras (471,6 milhões de euros) em vendas de jogadores, o que resulta num total de 159,4 milhões de libras de prejuízo (177,2 milhões de euros), ‘apenas’ o sexto mais alto da Premier League, atrás de Manchester City, Manchester United, Chelsea, Arsenal e até mesmo Everton.

Recorde-se, que apesar dos largos milhões gastos em praticamente todas as temporadas, o Liverpool acabou por beneficiar de vendas a de Luis Suaréz (vendido por 88 milhões de euros ao Barcelona), Coutinho (vendido por 120 milhões de euros ao Barcelona) ou Raheem Sterling (vendido ao Manchester City por 70 milhões de euros).

Em primeiro lugar e com pior rácio está o Manchester City, clube que mais tem gasto nos últimos anos em Inglaterra e que se destaca pela pouca necessidade de venda. Lideram a lista da Premier League com 747, 4 milhões de libras (831,2 milhões de euros) em contratações contra apenas 232, 6 milhões de libras (258 milhões de euros) em vendas.

Confira a lista completa do rácio entre compras e vendas dos clubes da Premier League (valores em libras):

Ler Mais
Comentários (3)

Últimas Notícias